Recebi a mensagem de uma visitante do nosso Blog e vou fazer comentários sobre a morte.

Meu filho faleceu de leucemia no último dia 20/09. Desde maio, minha familia e eu que somos católicos praticantes, acreditavamos na sua cura, através de arações, novenas e confiança, muita confiança no Poder de Deus… Não fomos atendidos? Sei que foi feita a vontade do pai, mas NÃO consigo resposta para de conforto, já que esta doença possui controle perante a medicina… Por favor, o que pensar. Confirmo, respeito a vontade de Deus… porem é doloroso demais esta perda. Deus os abençoem.

Muitas pessoas ficam até mesmo revoltadas quando fazem orações com muita fé pedindo pela saúde de um amigo ou parente e os pedidos não são atendidos. Na verdade se revoltar contra Deus quando perdemos um filho é um grande erro. E tudo se resolve quando mudamos a forma como vemos as coisas. Quando passamos a ver as coisas da forma correta.

A primeira coisa que precisamos entender é que nossos filhos não são nossos. Ter um filho significa receber de Deus a responsabilidade temporária de cuidar, amar e educar um ser que pertence a Deus.

Em segundo lugar precisamos entender que a verdadeira vida não é a vida terrena. A vida na Terra é uma situação transitória. Jesus falou sobre isto algumas vezes. A vida real, a felicidade real não pertence a este mundo. A vida na Terra é curta e transitória. A vida do nosso espirito é eterna. Todos nós estamos aqui cumprindo uma processo de aprendizagem que tem inicio, meio e fim. É como se matricular em uma escola sabendo que dentro de alguns anos terminaremos o curso e voltaremos para a nossa vida normal longe do universo escolar.

Em terceiro lugar precisamos entender que todos nós já nascemos e morremos inúmeras vezes. Em cada existência aprendemos alguma coisa de útil e subimos um degrau na escada que nos levará a pureza e perfeição do espirito. Esta não foi a única e não será a última existência do seu filho. Com certeza não é a primeira e nem a última vez que você verá seu filho pois vocês possuem toda a eternidade e inúmeras existências pela frente.

Na maioria das vezes morremos quando nossa missão nesta existência atual se encontra cumprida ou então quando sucumbimos a missão. Nos dois casos não existe mais razão para nossa permanência aqui. Deus felizmente nos poupa de viver desnecessariamente aprisionados dentro deste corpo material limitado sujeito a tantas dores e doenças. Vivemos até o momento em que nossa existência é útil para o nosso aprendizado ou para o aprendizado de terceiros. E assim que possível Deus nos liberta da vida da Terra e retornamos para a nossa verdadeira vida.

A dor que sentimos quando perdemos um parente é fruto de nossa falta de entendimento das coisas divinas. É fruto da educação que recebemos dentro da nossa sociedade. Dependendo da cultura e do povo a dor sentida em uma situação de morte pode ser maior, menor ou mesmo não existir. No máximo devemos sentir aquele mesmo sentimento de saudade que temos quando um parente nosso embarca em uma viagem que irá durar alguns anos. Precisamos ter a certeza que nossa existência é curta e em breve todos nós nos encontraremos inúmeras vezes.

Assista o vídeo com o depoimento de uma mãe que perdeu o filho e queria cometer o suicídio:

O livro dos espíritos é e distribuição livre, pode ser encontrado em qualquer livraria e também pode ser baixado na internet clicando aqui

Posted in Morte
Share this post, let the world know

50 Comments

  1. EDCARLOS
    Posted outubro 11, 2012 at 6:43 am | Permalink

    MUITO ESTRANHO PENSAR QUE UM JOVEM DE APENAS 17 ANOS TEM QUE MORRER ACONTECEU COM O MEU SOBRINHO AINDA NÃO SE SABER A VERDADEIRA CAUSA DA MORTE MAS ELE SE FOI ERA UM BOM MENINO TODOS GOSTAVAM DELE ERA SONHADOR CHEIO DE IMAGINAÇÃO NAMORADO ELE GOSTAVA DE VIVER MAS AI DEUS RESOLVEU LEVA-LO ANTES DA HORA POXA TANTA GENTE MÁ NO MUNDO E ELE ESCOLHEU LOGO NÃO CONSIGO ENTENDER ESSE DEUS QUE SE DIZ BONDOSO MAIS NÃO E PIEDOSO HOJE A MINHA IRMA SÓ CHORA A MINHA FAMÍLIA ESTA ARRASADA EU CHORO TODOS DIAS POIS LEMBRO SEMPRE DELE SINTO TANTA SUA FALTA EU VIVIA BRIGADO COM ELE POR CAUSAS DAS NAMORADAS SAI MUITO DEIXAVA TODO MUNDO PREOCUPADO MESMO ASSIM MORREU EM UMA LAGOA AFOGADO NAO SABEMOS NEM SE FOI AFOGAMENTO OU SE QUANDO CAI JA ESTAVA MORTO OS AMIGOS QUE ESTAVAM COM ELE FORAM EMBORA FICAMOS LA 2 DIAS ESPERADO O CORPO SUBIR DOÍ MUITO EM PENSAR NISSO ESPERAMOS O LAUDO PARA DIZER O QUE HOUVE SE ALGUÉM FEZ ALGUM MAL ALE NUNCA VOU ENTENDER ERA REALMENTE UMA BOA PESSOA NÃO USAVA DROGAS NÃO SE MEDIA NA VIDA DOS OUTROS ERA TRABALHADOR ENTÃO NÃO SEI PORQUE ELE DEVE QUE MORRE E DESTE JEITO ACHEI MUITO CRUEL A MORTE DELE E SINTO MAS FALTA PORQUE JÁ TINHAS UNS DIAS QUE NÃO NOS FALAMOS E UMA DOR INSUSTENTÁVEL QUE SÓ EU E AFAMILIA

    [Reply]

    admin Reply:

    A Terra é como uma escola e um hospital para o espirito. Estamos aqui com o objetivo de aprender ou nos curar de vícios e questões que exigem evolução. Para o espírito é como se estivesse internado em um hospital ou realizando um curso em uma escola que tem data certa para terminar. Quando você se matricula em um curso, sabe que vai sair do curso assim que terminar o prazo ou quando tirar boas notas e mostrar que aprendeu aquilo que queria aprender. Quando você entra em um hospital para um tratamento, só fica internado o tempo necessário para se curar para depois retornar para sua casa. A mesma coisa acontece aqui na Terra. Só ficamos aqui aprisionados neste corpo biológico cheio de limitações, privados da memória das nossas vidas passada durante o tempo necessário. A morte para o espírito é uma libertação e uma situação de muita alegria caso tenha cumprido com seus deveres, caso tenha realizado aquilo que planejou antes de nascer, caso tenha conseguido evoluir e tirar proveito positivo da vida que lhe foi dada. Quando isto ocorre a morte é uma libertação e um motivo de orgulho e felicidade para ele. Então surge este questionamento, porque Deus permite a morte de pessoas boas e deixa na Terra pessoas tão ignorantes que continuam praticando o mal? Isso é fruto da bondade e da perfeição do sistema criado por ELE. Veja o exemplo de Jesus Cristo. Ele não morreu com 90 anos de idade, ele morreu com 33 anos depois de ter cumprido sua missão na Terra. Ele não teve morte natural, foi assassinado depois de ser torturado com muita crueldade. Mesmo assim quando estava sofrendo na cruz pediu a Deus que perdoasse todos porque as pessoas não sabiam o que estavam fazendo. Por isto não se revolte contra Deus e evite sofrer tanto. A vida continua, seu sobrinho provavelmente está bem e o único motivo de sofrimento que deve estar abalando ele é o sofrimento da família. As pessoas sofrem muito lá do outro lado quando percebem que estão bem, que estão felizes, mas que a família na Terra está chorando, triste, se lamentando, sofrendo. Isso gera um verdadeiro tormento para a pessoa lá do outro lado. Por isto eu recomendo que você leia o livro Violetas na Janela ou então o livro Nosso Lar, aqui mesmo temos para download esses livros, temos também o Livro dos Espíritos. Tente estudar, ler, para entender. O entendimento, o conhecimento é o único capaz de curar o sofrimento nessas horas.

    [Reply]

  2. Ana paula
    Posted setembro 24, 2012 at 9:12 am | Permalink

    Boa tarde, dia 25 de março de 2012 á seis meses,perdi mina irmã minha amiga de 26 anos,operou o estomago pois era muito gordinha e estava bem com 15 dias de operada faleceu,nova muito nova e doi muito, queria saber o por que disso, que Deus me mostra se como não sofrer, o peito doi tanto que parece que vai explodir lá dentro.Eu não tenho amigos que me escutem, eu não me desabafo com minha mãe para ela não sofrer mais, então estou perdida.Vivo hoje por minha filha pois se não fosse isso, nem sei o que faria.Abraços á todos e fiquem em paz……

    [Reply]

    admin Reply:

    Se você tentar estudar como funciona o outro lado da vida, isso vai ajudar muito. O seu sofrimento atrapalha sua irmã já que ela consegue ouvir e até sentir suas lamentações. A vida do como físico é transitória mas a verdadeira vida da sua irmã é eterna. Mentalmente envie mensagens para os espíritos amigos, aqueles que te ajudam e te acompanham sem que você perceba, todos nós temos espíritos mentores que muitos chamam de anjos da guarda mas que na verdade são amigos e parentes que fazem parte da nossas múltiplas vidas terrenas. Solicite a esses amigos espirituais que ajudam você a superar e ajude a sua irmã nesta nova fase da vida dela. Sua irmã não sofrerá tanto porque quando estamos do outro lado e percebemos que a vida continua, isto nos é motivo de grande alegria. Ela não sofrerá tanto de saudades porque terá absoluta certeza que um dia reencontrará todos que deixou na Terra. E para quem tem vida eterna, esperar algumas décadas é como esperar algumas horas.

    [Reply]

  3. gabriela
    Posted setembro 12, 2012 at 11:24 am | Permalink

    oi, nem me fale perdi meu avo, a anos, bem como voce voce sabe de tudo isso sobre a morte, admin?

    [Reply]

    admin Reply:

    No rodapé dessa página existe uma série de livros. Recomendo que você comece lendo o Livro dos Espíritos. Basta clicar na foto do livro, baixar e começar a ler.

    [Reply]

  4. layse
    Posted fevereiro 11, 2012 at 4:38 pm | Permalink

    a minha avó morreu no dia das mães ,08/05/11, foi muito triste pra mim e toda a minha família principalmente a minha mãe a mais nova dos irmãos…ela morreu quando eu ia fazer 12 anos no dia 7/11/11.mais,eu não consigo esquece-la de vez em quando ,eu ainda choro muito por ela…agora pouco mesmo eu tava chorando…ai como dói o coração após a perda de um ente querido…MEU DEUS…*bjs* há e sem esquecer que o meu avô morreu em 1982 …eu acho que vocês acham que é mentira né?…mas não é faz 30 anos que ele morreu…

    [Reply]

    edna dos santos leao Reply:

    perdi a minha mae há 3 meses.estou tao triste nao consigo fazer as coisas em casa.parece que tudo acabou para mim.tive a impressao que minha mae passava a mao nos meus cabelos.tambem amei quando sonho com ela.nao sei o que fazer para me consolar.JESUS SEI QUE ELA ESTA EM BOM LUGAR.MAE SEMPRE TE AMAREI SUA FILHA QUE NAO TE ESQUECE.

    [Reply]

  5. kaique
    Posted fevereiro 2, 2012 at 10:07 am | Permalink

    Meu Primo morreu hoje meu Toda minha familia esta triste oque fazer me ajudem

    [Reply]

  6. gabriela
    Posted janeiro 16, 2012 at 9:42 am | Permalink

    gente me ajudem me
    de uma palavra uma opniao

    [Reply]

  7. dolvira
    Posted setembro 13, 2011 at 1:00 pm | Permalink

    Olá,hoje faz 4meses e 3 dia que minha mãe desencarnou, ela foi acometida por um rompimento de aneurisma, ficou em uma UTI durante 52 dia, lutando pela vida, me sinto totalmente culpada e angustiada pela morte dela, uns dias antes ela estava relatando um dor de cabeça, mas como uns dias antes ela estava gripada(gripe forte), achei que fosse uma coisa “normal”, mas num bela sábado ela passa mal e entra em coma depois de 14hs e desse coma ela não volta mais, não a esqueço nenhum momento, sempre fica em minha cabeça se a tivesse levado para um hospital particular primeiro ela poderia estar aqui hoje, é destruidor saber que uma pessoa que vc tanto ama, preza, ama, admira, ama, respeita, ama, dá a vida por ela tenha sido tirada tão rapidamente das nossas vidas, ela só tinha 61 anos e era totalmente maravilhosa, não me conformo e me culpo todos os dias.

    [Reply]

  8. Mônica
    Posted setembro 12, 2011 at 5:09 pm | Permalink

    Boa noite,
    Perdi minha mãe no dia 03/09/2011 de aneurisma. Dia 26/08/11 ela estava tão alegre, saímos o dia todo e quando foi dia 27/08 liguei pra ela e ela me disse q só iria almoçar depois viria aqui pra minha casa, foi então, que meu pai me ligou dizendo que minha mãe estava na UTI entre a vida e a morte. Gostaria de uma resposta dela, saber se realmente chegou a hora dela. Ela tinha 55 anos, tantos planos e ainda tínhamos combinado de fazer curso de flores. Todos os dias choro, tomo tranquilizante e demoro de dormir. Estou muito desesperada pq foi uma morte brutal, pois estava sem sentir nada. Me ajude a ter respostas, por favor. O nome da minha alma gêmea é Meyre Aparecida de Medeiros Santos, nascida em 23/03/1956

    Grata,
    Mônica Medeiros

    [Reply]

  9. Luciano
    Posted agosto 27, 2011 at 10:57 pm | Permalink

    Meu pai faleceu dia 24 de junho de 2011,ha muitos anos atraz ele recebia espíritos depois parou por causa da minha mãe, que e testemunha de jeova, antes de morrer apertou minha mão e me disse que iria morrer, foi muito triste, eu estou tao, mais tao triste, eu no meio de duas religiões tao diferentes apreendi as duas, e agora eu nao sei onde ele esta, gostaria muito mais muito saber, se esta bem mais nada. e não tem como …..

    [Reply]

  10. juliana
    Posted agosto 22, 2011 at 5:24 pm | Permalink

    Perdi minha mãe no dia 28 de Maio de 2011 de infarto era uma mulher guerreira,amorosa, dedicada a família e muito boa. Tenho muita saudades dela um grande aperto em meu corção. Pegou todos nós de surpresa pois ela estava bem no dia seguinte já receberia alta do hospital mas infelizmente teve outro ataque cardíaco e chegou a falecer.É uma dor horrível em não tê-la mais aqui com a gente até parece mentira as vezes penso que não vou aguentar…. mas rezo e continuo adiante.Eu amo minha mãe!!!

    [Reply]

    Vânia Reply:

    Juliana, junto minha dor á sua. Perdi minha mãe dia 27 de julho. Não sei o que fazer. Estou completamente perdida, sem rumo, me falta o chão! Morávamos juntas! E eu não esperava sua morte! Ela não tinha nada grave! Não sei o que fazer, Preciso de ajuda! A sensação é de que vou morrer também de tanta falta que ela me faz!

    [Reply]

  11. Mariluce
    Posted agosto 1, 2011 at 8:56 am | Permalink

    Há 3 semanas, meu querido pai faleceu num cateterismo, exame que fez devido ao um infarto. Ele tinha 76 anos, sei que cumpriu sua missão nessa vida, ele sempre foi muito honesto, amigo, correto e amava a familia, foi um exemplo para todos que o conheceram.
    Apesar de acreditar que ele continua vivo, em outro plano, a saudade e o vazio que sinto são indescritiveis…Ele jà tinha passado por um exame desses a 6 anos, e foi tudo bem, então eu estava tranquila, não passou pela minha mente que ele iria embora assim, acho ele também não sabia, ele estava confiante, e isso me preocupa muito. Ele morreu sedado e acho que não sabe o que aconteceu, o que acontece nesse caso?
    Não estou sabendo lidar com tanta dor, estou tentando ser forte pela minha mãe, mas por dentro estou sangrando, penso nele todos os segundos, rezo para que ele esteja bem e conformado, pois ele adorava viver. Agora parece tudo tão sem sentido, rezo para ter forças e fé para superar essa fase com serenidade, embora a tristeza seja muito grande.

    [Reply]

    RYAM Reply:

    Querida Mariluce, a dor é inevitavel, precisamos entender e aceitar as estradas desssa vida. Caminhos de dor estarão ao nosso lado ,mas caminhos de alegrias tb. Pense em seu pai com alegria,com carinho…sei que não é facil,mas é preciso. Estamos em uma escola de aprendizagem moral(VIDA TERRENA): lidar com os sentimentos de perda e posse é uma aula que muitos precisam repetir a lição. O desapego é primordial para nós seres mortais. Precisamos aprender a controlar nossos sentimentos, nada é para sempre, passamos por momentos. Vc passa por um momento de aprendizagem. Precisa aprender a amar a distÂncia…longe…mas não longe do seu coração.Ele está ai dentro de vc: nas lembranças , nos carinhos, abraços…tudo está ai dentro de vc. Relembre com amor…vibre em direção a ele…diga a ele que o ama…e que vcs se encontrarão um dia. (na vontade de Deus e nos caminhos de Deus) sei que não é facil mas tente.Tente controlar seus sentimentos, e vibra para o ALTO…Ore para o ALTO. LUZZZZZ em sua vida sempre…vc não está só. Acredite!!!

    [Reply]

  12. Gislene
    Posted julho 31, 2011 at 7:24 pm | Permalink

    Perdi meu filho André dia 23 de junho de 2010,ele estava com 20 anos, ele se suicidou, não consigo superar, choro todas as noites como nesse momento, tenho outro filho o Allan que está completando 18 anos hoje.
    Tenho tanta tristeza, não encontro uma sala de auto ajuda, não sei, não quer passar a saudade do meu filho é grande e dói muito, me tranquei no meu mundo, trabalho muito, ocupo todo o meu tempo em serviço, mas não esqueço, tenho muita saudade, vontade de abraçá-lo de beijá-lo e dizer o quanto eu o amo e dizer o quanto ele me faz falta, ele me deixou uma neta linda.

    [Reply]

  13. morena
    Posted abril 15, 2011 at 6:49 pm | Permalink

    ola estou muito triste perdi meu amor no dia 04-04-11 ele foi brutalmente assasinado na praça só pq negou um cigarro a um vagabundo sem coração .n sei pq ainda sinto a dor dele em minha alma n consigo esquecer meu amor daqui tres meses vai nascer nossa filha alice era oq ele mas queria nesta vida que pena n deu tempo dele conhecer alice sera que ele esta bem como sinto falta dele .o problema que o cemiterio fica bem perto de minha casa eu sabendo que ele esta proximo e n posso ao menos velo é muito triste pq ainda amo

    [Reply]

    admin Reply:

    Você não pode vê-lo mas ele pode te ver e te escutar. Se ele se foi é porque a missão dele se concluiu e você deve dar continuidade a sua. Como todos somos eternos todos iremos nos encontrar um dia e este reencontro irá ocorrer infinitas vezes. Precisamos aprender a ter paciência.

    [Reply]

    RYAM Reply:

    sim, precisamos acreditar em algo maior….em algo que nos tire da vida terrena e nos jogue para o alto. Precisamos nos desapegar…o desapego é fatal para nós. Acredito em algo MAIOR e mais amplo. Pense nele com carinho e amor….vibre em direção a ele com paz e alegria. Tente tirar , aos poucos, o desapego. Acredite vc não está só….é um momento…um pequeno momento de dor , mas tb um momento de aprendizagem, aqui é uma escola….luzzzzzz em sua vida….sempre!
    *
    Se vc ficar feliz , ele tb ficará. Pessoas precisam de vc , e muito.

    [Reply]

  14. leontina
    Posted março 3, 2011 at 7:13 pm | Permalink

    perdi minha filha com leucemia,foi em varios medicos e ninguem descobria o que éra.hoje faz 2 meses me sinto revoltada porque todo mundo continua vivendo como se éla não tivesse existido,sinto muita saudades déla.

    [Reply]

  15. Fatima
    Posted fevereiro 25, 2011 at 10:01 am | Permalink

    Amigos e amigas da mesma dor:preciso desabafar minha dor e angústia. Minha filha linda fez a passagem 3 horas após dar à luz a minha netinha linda e tão esperada por todos que a amavam. Sempre estivemos juntas o tempo todo. Nossa vida no período da gestação foi preparar diariamente a chegada da filhinha tão desejada e planejada. Lembro-me diariamente como ela me deu a notícia ao voltar de mais um dia de trabalho: “Mãe, trouxe um presente para vc”. Abri o pacote e tinha uma camisetinha de bebê com os dizeres “Sou da vovó”. Dali em diante foram 7 meses de emoção,expectativa e preparativos até a hora do parto. Choro todos os dias porque a saudade é imensa mas não fiquei revoltada e nem entrei em desespero pois aceito os desígnios de Deus Nosso Pai. Mas doeu e dói mais ainda até hoje pois continuo sofrendo pela minha neta, que o pai levou de minha casa (onde minha filha planejou viver com ela) com apenas 3 semanas de vida pelo motivo mais mesquinho que é ficar com a pensão da filha. Não eram casados e nem tinham convivência marital. Ele não contribuiu com nada e ainda não trabalha. Tornou-se arrogante e ditatorial ao falar comigo. Peço a Deus todos os dias que continue me amparando e me direcione no caminho certo para que eu possa proteger minha única netinha e resguardar seus direitos. Tenho muito medo da formação moral e espiritual que pessoas tão insensíveis e emocionalmente instáveis darão a ela. Que Deus nunca me deixe desanimar pois se estou de pé até hoje é porque Ele tem me amparado.

    [Reply]

  16. Adriana
    Posted janeiro 11, 2011 at 4:00 pm | Permalink

    Passado algum tempo que postei pela última vez no site, vou prosseguindo, vivendo cada dia na tentativa de ser útil a quem me cerca. A graça de Deus permite que eu continue a receber o consolo dos meus entes que já estão com Pai e a minha crença auxilia-me a suportar a saudade. O amor não tem fim, ele sempre une aqueles que se amam. Paz para todos.

    [Reply]

  17. Eliene
    Posted outubro 27, 2010 at 9:45 am | Permalink

    Perdi meu eterno amor dia 11/09/2010,como doi tinhamos tres anos e tres meses juntos,iriamos nos casar agora em Outubro ele tinha muito ciumes de mim,não me deixava nem se quer sair com minha irmã,amava esse jeito dele de ter esse ciúmes da forma que cuidava de mim,desde o inicio foi uma briga com a familia dele,a mãe dele nunca foi com minha cara,infelizmente mais isso não era nada para o nosso amor enfrentamos tudo e ficamos sempre bem,era um amor que dava orgulho eu sempre dizia que toda mulher deveria ter um Celso da vida,me amava como ninguém tinha um respeito comigo só Deus para me ajudar amenizar esse sofrimento,eu o amava não só como um marido como um filho,um pai,irmão em fim amo de mais,pesso tanto a Deus para me levar para dar continuidade ao nosso amor choro todos os dias,minhas amigas falam que tenho lagrimas de mais,a mãe dele falou no trabalho dele que PREFIRIU VER ELE MORTOa ter que ver casado comigo,ela o abandonou com 2 anos de idade não consigo acreditar que ela teve essa capacidade de falar uma asnera dessas,não sinto odio dela mais um certo nojo,pena do espirito dale ser tão nojento.Em fim meu Celso é minha vida meu mundo,sinto falta dele de mais.Por favor se vocês poderem me ajudar agradeço desde já.Meu nome é Eliene moro em São Paulo.

    [Reply]

  18. Patricia
    Posted outubro 13, 2010 at 9:34 pm | Permalink

    Minha filha partiu prestes a fazer 15 anos em 2009. Linda, como uma princesa, minha filha única, minha razão de viver. Desde então, me arrasto pelo mundo. Desejo a morte mas sei que não posso me matar. Acabaram com a minha vida aos 36 anos, eu quero viver pouco, pela minha idade, teria muito pela frente. A morte da minha filha me aterrorizou. Perdi minha vó, sofri, mas compreendi, é a ordem natural, e as pessoas que mais tinha receio de perder eram meus avós paternos. Jamais pensei em perder minha jovem e saudável filha. Jamais.
    Quando o horror aconteceu naquele 01.10.2009, meu peito parecia que ia explodir, eu perdi o sentido da vida e desde então, mesmo lendo, procurando ajuda, me sinto morta em vida; minha filha sim está viva no céu, eu estou acabada e sem vontade de mais nada, de realizar mais nada nesse mundo, porque não consigo aceitar o fato que ela não volta mais. Dia 22 ela faria 16 anos. É muita, muita dor. É brutal.

    [Reply]

    RYAM Reply:

    A dor é enorme…..a dor é aprendizagem…aprender a desapegar…o desapego deveria ser a primeira aprendizagem na Terra. A revolta…a saudade…não é facil….não é facil….doi e muiiiiiiito. Mas Algo maior estará acontecendo dentro de vc. Não a revolta….não a saudade dolorida..,mas sim ao Amor ai dentro de vc….as lembranças que estão ai dentro de vc…e que tb está presente em sua filha. Quem sou eu para dizer algo no meio de tanta dor….ninguem. Mas acredito que nessa vida terrena, somos aprendiz…alunos no primário. Querida, não é facil, mas foi necessário o acontecimento. O porque? Somente as estruturas Divinas saberão responder. A PERDA é uma lição dolorida ,mas necessária para a evolução. Quando dormir pense …vibre…com carinho, com amor…tente aos poucos senti-la ao seu lado, mas não no fisico e sim no espírito…
    Te desejo paz e luzz em sua vida…nessa caminha , não facil, mas necessária para a evolução. * muitas pesoas precisam de vc…vc é essencial para muitas pessoas.

    [Reply]

  19. Sandra
    Posted setembro 16, 2010 at 5:31 pm | Permalink

    Oi meu pai faleceu no dia 15/08/10, ele foi assassinado com 3 tiros, ninguém sabe o motivo ainda…está sendo tão difícil, não consigo parar de chorar eu sei q não posso ficar assim…mais não está fácil…Um pai amoroso muito carinhoso, uma pessoa boa sem apegos materiais, não merecia morrer assim…queria ele aq perto de mim. Estou lendo o livro ” A vida continua”…Só que todos os dias choro pq tudo lembra ele…Ele era nosso amigo, companheiro de todas as horas…Que dor horrorosa…..

    [Reply]

  20. raiany
    Posted setembro 7, 2010 at 10:24 am | Permalink

    Eu tenho uma avó com 97 anos, eu moro com ela desde que nasci..
    agora ela ja está no final da sua vida .. ela esta internada, não reconheçe mais ninguem.. Meu Deus, eu não queria ver ela desse geito, porque fazer ela sofrer tanto, uma mulher que criou 11 filhos, sofreu com a morte de 1, e agora no final da sua vida sofrer tanto assim?
    Eu sei que eu vou sofrer muito com a morte dela, mais seria melhor se o Senhor levasse ela de vez, doque fazer ela passar por isso…

    [Reply]

    Patricia Reply:

    Raiany, eu perdi minha filha de 14 anos, que Deus me livre de viver tanto tempo! E o pior que só tenho 37 anos. O que pagamos para passar por tamanha dor?

    [Reply]

  21. andreia
    Posted julho 31, 2010 at 7:32 am | Permalink

    Meu filho faleceu no dia 22/02/2010 de leucemia não aguento mais de tanta saudades, ele tinha 4 anos e 9 meses esta sendo muito doloroso por mais que eu saiba ele está num lugar bom e está bem acho injusto mas dizem que é egoismo meu mais eu queria e quero ele aqui comigo

    [Reply]

    Patricia Reply:

    Não acho egoísmo, é natural sentir dor de mãe, deixe que os outros falem, viva seu luto, chore, sinta saudades, tudo é natural, também queria minha filha comigo. Por isso, peço a Deus serenidade para aceitar o que não posso mudar.

    Tem um pequeno conto:
    O velho chorava muito. Havia morrido seu único filho. Sua dor era nítida. Alguns, irritados com sua dor, disseram:
    _Velho, por que choras? Não sabes que teu filho não volta mais?
    _Eu sei – respondeu o pobre velho, em choro cheio de desespero- e é por isso que choro.

    Não é egoísmo nada. Temos o direito a sentir tudo. Deus nos entende. Deus não nos julga. Fomos amputadas, dilaceradas.

    [Reply]

  22. jandara
    Posted maio 24, 2010 at 11:32 am | Permalink

    ola,.eu perdi meu irmao ha 2 meses num acidente de moto.
    ele tinha apenas 19 anos ..eu nao consigo me conformar com isso .ele era tudo pra mim.era um menino muito bom..minha mae ainda chora muito .eu moro fora e quando ela me liga ela só chora e eu na consigo consolar a minha mae´.é muito triste.Queria entender porque ele foi tao jovem??

    [Reply]

    admin Reply:

    Só ficamos nesta vida o tempo que é necessário para que possamos aprender lições importantes para nossa evolução. Cumprida nossa missão retornamos para a nossa verdadeira e real vida. Aqui temos apenas um breve momento de aprendizagem e de ilusões. Por isso se moremos jovens ou velhos não significa justiça ou injustiça divida, mas apenas o cumprimento do que é necessário em cada vida. Por isso o ideal é se conformar e acreditar que a sua vida e a nossa vida também é breve.

    [Reply]

  23. lilian
    Posted maio 20, 2010 at 12:43 pm | Permalink

    também sofro com a ausencia da minha amada mãe.sei que a missão dela acabou aqui neste plano,por mais espiritualizada mais estou sofrendo muito com a partida dela.sempre fui muito apegada tenho vontade d abraça-la,beija-la e dizer o quanto o amo.

    [Reply]

    admin Reply:

    A sua vida, a minha vida são muito curtas. O seu espírito e o espírito da sua mãe são eternos. O que para você pode ser anos de espera para o reencontro, para sua mãe será como contar alguns minutos. Então não perca tempo sofrendo. Aproveite sua vida pois um dia todos iremos nos encontrar do outro lado. Todo sofrimento em uma situação de morte de amigos e parentes é totalmente inútil.

    [Reply]

  24. Sabrina
    Posted abril 28, 2010 at 10:45 am | Permalink

    Ola… Bom perdi meu filho faz 4 dias…
    Tnho 21 anos era minha primeira gravidez e foi super tranquila.
    Minha bolsa estorou e eu ainda estava de 7 quase 8 meses.
    Bom cmo tnha pouco liquido tiveram que tira o bebe.
    Fui direto pra cirurgia foi uma cesaria.
    Meu bebe nasceu prematuro e foi direto pra UTI.
    Ele nasceu com suspeita de sindrome de daw, com sopro no coração e os pulmões nao estavam fortes ainda, mais ele era lindo parecia um anjo.
    Eu e meu marido sempre estavamos lá nos horarios de visita.
    E foi assim durante 5 dias… até ele nao aguenta!
    E Deus o chamou…
    Eu e meu marido já estavamos preparados já que sabiamos do estado dele.
    Mas eu e ele nao superamos ainda a sua perda, msm por que ele era muito desejado desde do primeiro dia de gravidez.
    Sabemos que a missão dele aki na terra era curta e já sabemos qual era.
    Por que ele veio pra unir mais ainda eu e ele e nossas familias.
    E sei que ele é um anjinho que veio pra ensinar e conseguiu.
    Mas a dor ainda é muito grande… E sei que nunca vou esquecer…
    Principalmente por que nao pude pegar meu filho no colo…
    Nao pude ver ele crescer, e nem ouvir o choro dele de madrugada…
    E tão cedo ter que enterrar meu filho.
    Quero ter mais um filho e tnho medo de acontecer isso tdo de novo.
    E sei que se tiver outro nao vai ser para subistitui – lo.
    Minha cabeça esta muito confusa.
    Sei que ele esta bem e olhando por mim…
    Mais queria entender mais sobre tdo que aconteceu.
    Peço sempre pra Deus pra me dar mais força… Pois ta dificil continuar sem ele…

    Obs: Queria saber de um livro que eu possa ler que fale mais ou menos o que eu estou passando… e possa entender!

    Desde já obrigada!

    [Reply]

  25. ana
    Posted março 8, 2010 at 3:29 pm | Permalink

    oi perde a pessoa que mais amei no mundo meu filho foi assasinado mim sento tao impotente que na quela hora eu nao estava la pra proteje-lo
    pergunto a deus pq eu o amava tanto e ele se foi assim sem eu opor perto hoje vivo por viver tem 4 meses e choro tanto pendso tanto nele que parece que vou enlouquecer]o deus mim de consolo pra poder caminhar e passar essa tempestade horrivel hoje minha filha e que mem dar alegria como e tiste passar pelo esse vali orem por mim milhois de beijos meu querido filho da sua tutuca te amarei pra sempre meu anjo

    [Reply]

    admin Reply:

    Você não AMAVA seu filho. Você AMA o seu filho. Seu filho não deixou de existir e com certeza ele se encontra bem, recebendo os devidos cuidados em alguma das muitas colônias espirituais existentes. Seu filho já deve saber que é questão de tempo para te encontrar no futuro quando você cumprir sua missão na Terra e deixar esta vida. Se ele se foi é porque a o momento já tinha chegado. Ninguém fica na Terra mais do que o tempo necessário para cumprir sua missão na atual vida. Não precisamos perder tempo na Terra em uma vida passageira quando a nossa verdadeira vida está do outro lado nos esperando. Por isso se conforme e confie. Se coloque na posição do seu filho neste momento. Ver a mãe sofrendo é muito ruim, principalmente quando o seu filho observa que é um sofrimento desnecessário pois um dia todos nós estaremos juntos do outro lado da vida.

    [Reply]

    Patricia Reply:

    Eu rezo pedindo fé, para que eu acredite que vou reencontrar minha filha. Eu tenho dúvida, e essa dúvida me faz sofrer. Como afastar a dúvida?

    [Reply]

  26. Cristiane félix
    Posted fevereiro 27, 2010 at 10:07 am | Permalink

    Perdi minha mãe faz 3 meses hj, e a cada dia me desespero pela sauadade.Meu Deus, kanta é a dor da perda de um ente kerido, como keria tê-la para abraçá-la, beijá-la… uma mãe tão maravilhosa,um exemplo de ser humano,que nao era apegada a nada… dava tudo, tudo inclusive, dava mto amor a todos que a cercavam, uma vó mto boa carinhosa, pq meu Deus??? Sei k nao posso questioná-lo, mas por misericórdia, me dê a conformação pois sei k Ela está a seu lado, sei k ela está bem, mas eu ainda nao consigo encontrar a resposta para sua partida meu Deus! Me desculpe oh Pai, mas nao kero atrapalhar minha mãezinha aí com vc,mas tenha piedade de mim e me ajude aceitar sua partida.

    [Reply]

    admin Reply:

    Nós não somos eternos, todos nascemos para um dia morrer. Dessa forma é natural que todos um dia deixem esta vida passageira e passem a viver sem a necessidade do corpo feito de carne e osso. Dessa forma sua mãe continua viva sentindo e observando tudo que você faz e pensa. Ninguém gosta de ver um parente querido sofrendo. Por isso uma boa coisa que podemos fazer por ele é aceitar o fato de que o corpo morre, a pessoa vive só que em outro plano.
    Todas as 6 bilhões de pessoas que moram na Terra atualmente estarão do outro lado da vida nos próximos 100 anos. Então devemos aprender a ver a morte com naturalidade.

    [Reply]

  27. Adriana
    Posted janeiro 12, 2010 at 3:14 am | Permalink

    Antes de desencarnar, meu filho, de apenas quatro anos, começou a falar muito no fato de nascermos de novo. Quando ouvia falar na morte de alguém, dizia: ele vai nascer de novo. Muita sabedoria por parte dele.

    [Reply]

  28. Adriana
    Posted janeiro 12, 2010 at 3:11 am | Permalink

    Elina, bom dia. Graças a Deus, desde que viemos de MG, onde Tesouro (Luis Augusto) foi sepultado, ele não me deixa. Quando eu abaixava a cabeça, ele me lembrava que estava por perto. Dias depois, não me lembro bem quantos, ele começou a me falar. Conversamos sempre, várias vezes por dia. Voltei ao centro espírita. Em nossas conversas, ele me dizia o quanto fora bom para ele a oração do Evangelho segundo o Espiritismo – oração pelos doentes – que eu fazia por ele.Era uma criança especial – aos quatro anos, já lia e escrevia com a maior desenvoltura, coisas que aprendeu por si, uma vez que na escola aprendeu apenas a escrever o primeiro nome e as vogais. Ao final do ano passado, já lia tudo. Bastava ouvir uma palavra em outro idioma – francês, italiano, espanhol ou inglês – para repetir com sotaque perfeito. Desde muito novinho, apaixonou-se por bandeiras, conhecia as de quase todo o mundo e as do Brasil. Quanto ao seu Pai, possivelmente você não o perceba por perto em virtude de sua dor. Creio que a nossa materialidade não nos deixa, em um primeiro momento, aceitar o consolo que nossos queridos, agora em espírito, vêm nos dar. Sinto-o sempre perto de mim, vezes há em que percebo até o cheiro dele. Tranqüilize seu coração e agradeça a seu Pai, sempre que possível, pelo amor e pelo carinho que ele lhe concedeu. Meu pai desencarnou há quinze anos – fará 16 anos em julho – e, não com a mesma freqüência de Meu Filhinho, vem me visitar. Dá para identificar quem se aproxima de nós. Muitas orações auxiliam neste momento. Que Deus lhe conceda a graça de perceber seu Pai por perto e tranquilize seu coração – ele está bem, onde não há dor, nem sofrimento. Paz. Meu email é adrianajulho75@hotmail.com.

    [Reply]

  29. Adriana
    Posted dezembro 13, 2009 at 4:13 pm | Permalink

    Sou uma mãe que perdeu dois filhos – a primeira nasceu prematura há onze anos, o segundo faleceu há quase três meses. Ele tinha cinco anos e foi acometido de leucemia linfóide aguda. Resistiu a seis meses de tratamento e, após uma febre, apareceram complicações pulmonares e renais. Deus me tem amparado e, graças a Ele, Meu Tesouro não me abandona, está sempre em contato comigo. A presença espiritual dele me ampara e auxilia a prosseguir, até o nosso reencontro.

    [Reply]

    admin Reply:

    O importante é confiar na sabedoria divida. Tudo que acontece na nossa vida é para o nosso bem, é para nos fortalecer, são provações. Devemos sempre lembrar que somos eternos, seus filhos são eternos, somente essa existência é passageira e significa apenas uma existência entre muitas que já tivemos e ainda teremos. Então precisamos ter paciência e elevar nosso pensamento porque tudo vem para o nosso bem, apesar da dificuldade de entender isto durante nossa existência na Terra.

    [Reply]

    Adriana Reply:

    Creio também. Nossos olhos terrenos é que nos vedam a sabedoria providencial de Deus, que respeita as escolhas por nós feitas antes de virmos para cá. Obrigada, Deus os abençoe.

    [Reply]

    Élina Reply:

    Oi Adriana,
    li sua mensagem. Perdi meu Pai a um mês e li que vc disse que seu Tesouro não te abandona, que ele está sempre em contato contigo. Vc já recebeu alguma mensagem dele ou vc o sente próximo a vc? Sou espirita e um pouco antes de meu Pai ir embora, deixei de sentir a presença dos espiritos perto de mim. Acredito que a parte espiritual estava me preparando para eu exatamente não achar que outro poderia ser o meu Pai. Se vc conseguiu alguma mensagem do seu Tesouro me ajuda, porque apesar de ser espirita a bom tempo, a dor não sai do meu coração.

    [Reply]

  30. Beatriz Queiroz
    Posted agosto 18, 2009 at 3:37 am | Permalink

    Olá
    Temos uma missão neste mundo e por mais dificil que seja nossa caminhada e a fase em que stamos vivendo, o que realmente importa é que Deus cuida de nós e que nunca estamos só temos Nossa Mãezinha do Céu que nos ajuda a caminhar mesmo nos momentos mais dolorosos, pois a tempestade vai passar quen estamos no colo de jesus cristo e guias pela mão maternal de Maria.
    A paz de Jesus a todos

    [Reply]

  31. Sílvia
    Posted agosto 17, 2009 at 5:49 pm | Permalink

    Olá, adorei este site e aproveito para desabafar um pouco.
    Tenho 30 anos e uma filha de 6 anos que faleceu há 3 semanas. Caíu numa piscina e morreu afogada. Eu não estava lá, ela tinha ido passear com o avô. Num minuto ela correu atrás de uma bola e desiquilibrou-se, quando o meu pai a tirou da água vinha já sem batimento cardiaco. Eu não culpo ninguém, a minha filha era hiperactiva. Sempre li sobre o espiritismo e creio em Deus, mas sinto-me traída por Ele. Desde que ela nasceu (tentei engravidar durante 2 anos)eu vivi só p ela, o pai dela deixou-me grávida. Sempre tive 2 empregos para dár tudo o que pude dár. Um amor incondicional, era a minha filha linda, super inteligente…. não entendo o PORQUÊ de me ter levado a minha menina. Estou muito desiludida, pois sempre pratiquei o bem, nunca enganei nem traí ninguem, tenho as minhas convicções e os meus principios, sempre fui honesta, trabalhadora e séria, agora já nada faz sentido. Eu sei que ela está bem, mas não consigo entender o porquê…

    [Reply]

    Du!!! Reply:

    OLA ,O SENHOR CHAMOU MEU PRINCIPE FAZ UM MES.AFOGAMENTO ,EU NAO SABIA Q ELE TAVA NA AGUA,E ATE HOJE NAO SAIU O LAUDO.NAO SOU ESPIRITA ,MAIS CREIO EM UM DEUS Q TUDO Q ELE PLANEJA E PERFEITO.TA DOENDO MUITO AINDA ,NOS ERAMOS UNHA ,MEMBROS ATIVOS NA IGREJA Q CONGREGAMOS.MAIS TE FALO ALGO ,CREIA Q O SENHOR ESTA PASSANDO CONTIGO POR ESSE MOMENTO DIFICIL,ELE TE CARREGA NO COLO,PQ VOCE E A MENINA DOS OLHOS DELE.E SOMENTE O SENHOR PRA TE DAR COMFORTO.UM DIA QUANDO AQUELE Q VENCEU O PECADO VOLTAR O REI DOS REIS .PQ NOSSO LUGAR NAO E AQUI .FOMOS FEITO PRA SERMOS ETERNOS JUNTO COM DELE.QUE O BALSAMO DO SENHOR DERRAM EM SEU CORACAO,QUE VOCE POSSA CONFIAR NELE E A SUA VITORIA E CERTO SE VOCE CONFIAR NELE.FICA NA PAZ.

    [Reply]

  32. Regina
    Posted julho 26, 2009 at 12:29 pm | Permalink

    Seja da forma que for, essa separação repentina que acontece com a partida de ente querido é doído demais, é uma dor dilacerante, cada um reage de um jeito, tudo o que for de consolo devemos lançar mão, mais a unica coisa que ajuda é chorar até cansar, depois vc chora de novo vai assim até que um dia vc percebe que passou o dia inteiro e vc não chorou, só assim vc vai ver que começou a se conformar, o tempo varia de pessoa para pessoa , dependendo do grau de afinidades que vc tinha com a pessoa falecida,mais geralmente vai até uns 10 meses 1 ano, depois só fica a saudade, mais saudades é bom de sentir pois só sente saudades de quem amou e foi amado,,e ademais isso é inerente a vida, não temos como fugir,,mais que dói, dói,,,,,,,

    [Reply]

  33. maria do carmo
    Posted julho 1, 2009 at 11:45 am | Permalink

    poxa ja naõ estou aquentando mais essa dor perdi meu marido no dia 22/02/2009,os medicos disseram que foi derrame cerebra,o avc mas eu estou sem acreditat pois foi muito rapido ,ele começou com formigamerntono braço e foi rapido demsi ai foi sequencias acontecendo,ah nem acredito ,amava o demais companheiro de 35 anos,choro todos os dia,mas nem sei o que fazer,me ajudem ele era hioertenso,e muito nervoso ,qdo ele ficou ruim
    dei dois captropil de 25 ,e mesmo assim a pressaõ chegou no hospital 24/18,ah me ajudem.

    [Reply]

    admin Reply:

    Olá Maria, logo após a perda (temporária) de um ente querido, é natural o choro e a dor, resultado do sentimento de perda. Esse sentimento provém da idéia de perda absoluta, total, da convivência com alguém. Porém digo “perda temporária” pois é apenas uma questão de tempo esse reencontro. Afinal todos nós um dia partiremos, é a única certeza que temos na vida. Agora coloca-se no lugar do seu marido. Imagine você, depois de desencarnada, passando para um outro plano, vendo seus filhos e parentes queridos chorando todos os dias, sofrendo e em depressão por sua ausência. Todos dizendo que você está morta e vc se sentindo vivinha da silva, mais viva do que nunca. Mas sem poder se comunicar com ninguém. Como vc se sentiria vendo seus amigos e familiares chorando todos os dias? Com certeza ficaria muito triste. Portanto pense agora no seu marido. Apesar de você não ver ele, ele consegue te ver e está ao seu lado. E com certeza ficaria muito feliz em ver sua amada esposa bem, com paz no coração e apenas lembrando, com saudades boas, de tudo que viveram. Mas sempre seguindo em frente, firme e tranquila.

    Recomendo ler o livro “Violetas na Janela”. Não deixe de passar numa livraria e consultar esse livro. Conta a história de uma filha muito querida que desencarnou e através da psicografia veio dizer a mãe como era o lado de lá. Segundo ela tudo que pensamos se materializa do outro lado. A mãe desejava flores a filha e a filha recebia essas flores. Então pense em coisas boas, sentimentos bons sempre que pensar em seu marido. Ele ficará imensamente feliz.

    [Reply]

  34. Rebecca
    Posted junho 23, 2009 at 11:30 am | Permalink

    qual a diferença entre morte física e a morte da própria existência?

    [Reply]

    admin Reply:

    A morte física é a morte do corpo, a parada do bombeamento do sangue, o sangue parando de se movimentar, deixando de levar oxigênio para o cérebro e demais orgãos, fazendo com que eles se desliguem. Agora não há a morte do espírito. O espírito é eterno. Já o fim de uma existência se dá com a morte do corpo, a Rebecca existirá na Terra do dia do seu nascimento até o dia da morte de seu corpo, quando seu espírito, mais vivo do que nunca, passará novamente para o plano espiritual, sendo assim o fim daquela existência na Terra, podendo reencarnar e iniciar uma nova existência. Existência nesse caso seria apenas uma viagem, uma jornada e como toda viagem, tem início, meio e fim, com direito a passagem de ida e volta.

    [Reply]

  35. luiz
    Posted junho 21, 2009 at 11:22 am | Permalink

    já perdi pai, mae, irmaos, senti muito mais depois vi que não adiantava me desesperar pois conformado ou não seus corpos iriam se decompor.Eu sei que é muitos difícil aceitar, mas esse rio todos teremos que atravessar um dia, é importanate que preparemos a nossa embarcação para charmos do outro lado sem naufragar e termos que utilizar o salvavidas.Quer queiramos ou não, vai acontecer um dia, e nossa embarcação que não naufraga é Jesus. Coragem irmãos eu tambem não sabia disso, quando um dia vieram me dizer, e não foi nenhum encarnado ( sou medium, e não sabia), a vida verdadeira é a vida espiritual. Um abraço e muita paz e muita luz para todos. OS QUE NÃO ACREDITAM, FICARÃO SABENDO QUANDO CHEGAREM LÁ.

    [Reply]

  36. mary
    Posted junho 14, 2009 at 7:06 pm | Permalink

    Olá a todos,bem vou começar assim: como é que uma mãe aguenta suportar a perda dos filhos? pois bem, eu devolvi a Deus meus dois filhos em um prazo de 6 meses, e depois meu irmão caçula, falo devolvi porque acredito que é mesmo assim,meu filho de apenas 2 anos se comunicou comigo através de outra criança,e pelo que a garotinha relatou, ninguem a não ser eu e ele saberiam entender as respostas denviadas a mim, depois de um tempo tbm conseguir ver minha filha nos braços de uma pessoa ao lado de minha cama, ela estava linda ainda bebezinha como ela me deixou.quando eu soube que meus filhos não poderiam mais ficar comigo, só pedi a Deus forças para suportar a falta que eu teria que enfrentar dali em diante, hoje leio varios livros espiritas que me ajudaram muito, mas eu ja me interessava antes pelo assunto, pois não acredito que somos igual a um fogo que apagou, acabou!! gostaria que vcs todos que perderam entes queridos, conversem mais com Deus, não precisa ser em orações converse francamente de filho para pai, ele nos ouve e sempre esta ao nosso lado. Eu sei que muitas vezes quando aquela saudade vem apertando devagarinho, ficamos revoltados com Deus, mesmo que muitos digam o contrário a verdade é que ficamos sim e ele entende nosso sofrimento porque ainda a um abismo muito grande entre nós e a sabedoria divina.mas lembrem-se que Deus está e sempre estará ao nosso lado.

    Ao meus filhos e meu irmão,que a luz divina cheia de amor e paz ilume os vossos caminhos,e quando for a hora da permissaõ de Deus para regressar, estarei esperando de braços abertos. amém.

    [Reply]

    Maria Rosa da Silva Reply:

    Mary
    estou lendo varios testemunhos de maes que devolveram seus filhos, eu estou vivendo um pesadelo sem precedente, triste e nao consigo me coformar.
    Perdi minha filha e meu netinho no dia 08 de setembro de 2010 quando estava em servico de parto. so a luz Divina so Senhor Deus sabe como estou sofrendo e acredito que para a Mary tambem nao deve ser facil.

    No seu testemunho diz que perdeu seus dois filhos e triste demais, vejo uma pessoa corajosa, ja eu, nao tenho essa coragem quando chego a casa e vejo a foto da minha boneca grito sem controlo esperando ela responder mama estou aqui, o que nao e possivel porque ela esta com o Senhor.
    Mery nao posso perguntar a Deus o porque, nem tao pouco revoltarmos contra Deus seria imprudencia da nossa parte perante tanta coisa boa que o Senhor tem feito na nossa vida.
    A univa pergunta e porque que tem de ser assim? Doi Doi Doi demais e uma saudade, nostalgia efim nao encontro palavras para descrever o que sinto neste momento.
    Obrigada

    [Reply]

  37. Iula
    Posted junho 10, 2009 at 8:59 pm | Permalink

    Hj um amigo nosso cometeu um suicidio, ele se enforcou na casa do meu sogro, Bem primeiro estou revoltada pq acho que não existe motivo para isso, segundo todo mundo sempre tentou ajudar ele com médicos, grupos orações, passeios, emprego enfim, mesmo assim isso aconteceu…Pode ter sido um espírito ruim que influenciou ele? e oque acontecerá agora? e também como fica a area do meu sogro que foi onde ele se matou? e oque que eu faço pra tirar toda essa energia negativa? e oque dizer pra esposa e filho para confortar sabendo que num caso desses é complicado, por exemplo o suicida não vai descansar entende

    [Reply]

    admin Reply:

    Sim, pode um espírito obsessor ter influenciado ele a cometer suicidio. Normalmente nos relatos desses casos há um espírito influenciando. Porém isso não tira a responsabilidade do suicida, já que ele cometeu tal ato por ter idéias iguais ao seu obsessor. Segundo as obras de Kardec, como Livro dos Espíritos e O Céu e o Inferno, seu amigo poderá estar numa zona trevosa, junto com outros suicidas. É de se esperar que um local onde só existam pessoas com desequilibrio emocional, mental e com histórico de suicídio seja de uma convivência difícil. Porém Deus é bondoso, da mesma forma que Ele deu liberdade para todos nós fazermos o que quisermos com a nossa vida, Deus também dá a chance de poder sair de situações difíceis como essa. O sofrimento dele talvez nesse momento é achar que a vida na zona trevosa será eterna, mas não será. Por isso algo que poderá confortá-lo muito e de grande ajuda e se você e seus familiares puderem orar todos os dias, esquecendo a revolta e o erro e pedindo a Deus para que ilumine o espírito desse amigo, com todas as suas bençãos e amor para que ele perceba que aquilo não é eterno e que elevando seu coração a Deus, logo ele será resgatado para um lugar melhor. A oração é um instrumento poderoso, que pode ajudar muitas vidas.

    Quanto a área do seu sogro, basta direcionar energias positivas para esse local. Afinal, o que conserva a energia negativa não é o fato nem o morto mas as pessoas vivas que olham para o local e lembram do ocorrido, lançando mais energias negativas. Para que isso não ocorra, modifique a área. Se for possível plantar, plante flores, faça um jardim ou uma horta. Dependendo do tamanho, pode-se pintar e fazer um pequeno campinho pras crianças brincarem, enfim, modifique o local para que as pessoas esqueçam rapidamente o que ocorreu ali.

    [Reply]

  38. Lavínia
    Posted maio 29, 2009 at 11:32 am | Permalink

    Perdi meu namorado e melhor amigo a 4 meses. No início foi horrível, a dor era imensa, foi como se um pedaço de minha alma tivesse sido tirada de mim, devido a nossa ligação que era muito forte.Queria achar uma explicação, uma justificativa…. Não sei se realmente a vida continua, isso só vou saber quando chegar lá. Porém, acredito que se existe vida após morte e ele pode me ver e me sentir, gostaria de me sentir como eu era quando estava com ele, feliz, alegre, cheia de esperança e vida. Foi isso que ele amou em mim quando me conheceu e é isso que vou continuar sendo. Quando nos encontrávamos o mundo ficava mais bonito, mais cheio de vida que nunca. Não conseguiamos esconder o contentamento.E eu, gostaria que ele estivesse feliz, porque só a felicidade dele me importava. Por isso sempre que penso nele, penso nos momentos felizes que vivemos e as coisa boas que fizemos e me dá uma felicidade enorme, e quando fico feliz é como se o tivesse ao meu lado de novo, só que invisível…..

    [Reply]

  39. ISABEL 03/04/2009
    Posted abril 3, 2009 at 3:30 pm | Permalink

    perdi meu irmão num gravissimo acidente de transito, fiquei desesperada me revoltei contra Deus não me conformava, vivi chorando,triste pedindo para morrer,entrei em depressão uma amiga me falou muito para ler livros espiritas, comecei a ler e descobri na internet este site. É o que me ta dando forças para viver e continuar a minha vida. Sei que ele está bem, pois eu estou fazendo de tudo para ficar bem, ja li o livro violetas na janelas e gostei muito e outros, tudo que fala a respeito.Muito obrigada por existir.

    [Reply]

  40. Cida
    Posted fevereiro 6, 2009 at 5:19 pm | Permalink

    Olá Alice,obrigada pelas palavras de conforto estou procurando ler livros espiritas sim.E ja li o livros ,violetas na janela foi otimo,depois de ler esse livro me senti mais calma tranquila,consegui aceitar o que aconteceu.
    Hoje sinto Saudade, e procuro nao sentir tristeza.

    [Reply]

    alexsandro ferreira Reply:

    boa noite , eu sou um pai que esta destruido por um acontecimento nessa semana na minha vida. Perdi minha princesinha de 4 anos dia 08/11/10 . Nao sei o que eu faço , minha cabeça esta a mil , meu coraçao doi muito pedindo pra ela me abraça e me beija

    [Reply]

    ana maria Reply:

    alexsandro eu entendo a sua dor muitos dizem que um pedaço que se vai eu te falou que a minha vida foi porque e muita dor meu filho tinha 8anos quando se foi tem sete anos que ele morreu e eu nao consigo esquese e como fosse ontem mais deus tem me dado força pra suporta temos que nos apega na fe eu agradesso a deus por ter me dado oportunidade de ter me dado o meu filho pois aprendi muito com ele eu sou muito feliz por ele ter passado pela minha vida sou evangelica e as crianças nao tem pecado elas vao direto pro ceu e naquele grande dia eu vou ver meu filho de novo que bença assim a palavra de deus diz e eu acredito vou ora por voce pra deus consola o teu coraçao porque esquecer e imposivel mais deus e com tigo tenha fe porque deus e com tigo e o unico que pode nos compreende ele e o dono da morte e da vida todo vez que voce fica tristi pença nas coisas boas que voce passou com sua filhinha os momentos bons no começo e dificil mais deus vai da forças pra voces um abraço fique na paz de cristo

    [Reply]

  41. UM irmão
    Posted fevereiro 5, 2009 at 8:17 pm | Permalink

    Perdi o corpo carnal de minha manzinha há 3 anos, eu, há vejo toda semana, para aqueles que não podem ver as coisas como eu vejo, não chores não lamente, isso não faz bem para quem partiu, desde mundo para o mundo aonde todos iremos, eu estou aqui só para cumprir uma tarefa que deixei de cumprir, sei que vou voltar para minha pátria legitima, que é o mundo espiritual, não faça seus entes queridos ficarem preso na dor de vocês, um abraço para todos, e fiquem na paz de Deus , encha o coração de luz e amor, á vida continua.

    Obs. Desculpe-me por não colocar meu nome, isto é para minha proteção, porque eu não sou guru.

    [Reply]

  42. Alice
    Posted janeiro 28, 2009 at 12:46 pm | Permalink

    Oi Cida quero que saiba que entendo como esta se sentindo agora mas vai passar, Deus em sua imensa sabedoria vai te dar entendimento e força para voce superar, mas quero te pedir para voce ler os livros espiritas que vai entender melhor e aceitar melhor esta passagen que ele fez, faça de tudo para não ficar triste pois isto vai fazer mal a ele. ele vai sofrer com voce e não vai seguir o caminho dele no plano espiritual. Uma dica para voce leia Violetas na Janela, pelo espirito de uma jovem de 20 anos que desencarnou devido a um aneurisma celebral. ela narra como foi e como esta sendo a vida após (morte). Leia e verá que a morte não existe. Que Deus a abençoe.

    [Reply]

    Andressa Aparecida Soares Reply:

    Nossa, obrigada por indicar este livro adorei, realmente uma lição de vida após a morte! Deus te abençoe!

    [Reply]

  43. Cida
    Posted janeiro 28, 2009 at 11:37 am | Permalink

    Olá Admin,
    Obrigada pelas palavras,Me ajutou bastante a acalmar meu coraçao

    [Reply]

    suely Reply:

    oi, sei o que vc sente é horrivel, tb aconteceu comigo. a gente fica sem chão, so deus para nos dar a paz. abraços

    suely

    [Reply]

  44. admin
    Posted janeiro 28, 2009 at 5:20 am | Permalink

    Olá Cida. Você não perdeu seu marido. Estamos aqui cumprindo missões. Quando nossa tarefa termina retornamos para onde realmente se encontra a verdadeira e eterna vida.

    Seu marido não deixou de existir. Ele continua mais vivo do que nunca. Aquilo que você deixou no cemitério não era o seu marido. Aquilo era a “roupa” de carne e osso que ele utilizou no limitado e finito período que passamos estagiando na Terra.

    Pessoas boas e honestas também morrem da mesma forma que os maldosas e desonestas. Todos iremos morrer porque a morte faz parte da vida.

    Morrer só é ruim para os mals e desonestos. Para os bons e justos a morte é uma libertação de uma vida limitada e sofrida na Terra para a continuidade da verdadeira vida.

    A sua vida aqui na Terra também é limitada e um dia terá fim. Para o seu marido que vive a vida eterna esperar mais algumas decadas por sua chegada não significa nada. Por isso ele não tem o mesmo sentimento de que lhe perdeu.

    Pois na verdade ninguém perde ninguém.
    Nós é que precisamos nos reeducar com relação a morte.

    [Reply]

  45. CIDA
    Posted janeiro 24, 2009 at 4:12 pm | Permalink

    acabei de perder meeu marido, nao me conformo como foi a morte dele uma morte muito brutal violenta acidente na empresa aonde ele trabalhava.
    acredito em Deus, mais as vezes nao consigo aceitar essa maneira da morte dele como um homem tao honesto tem uma morte assim.
    trabalhador carinhoso um exelente pai marido.
    nao entendo como Deus permitiu uma morte assim,nao me revoltei com Deus mais doi muito a perda a saudade e muito forte

    [Reply]

  46. Mário
    Posted janeiro 11, 2009 at 6:22 pm | Permalink

    Acho importante também ressaltar que todas as vibrações e energias positivas enviadas para quem está sofrendo acabam por melhorar ou amenizar a situação em que se encontram. Certamente o ambiente propiciado pelas orações com fé em Deus permite que o processo de desencarne tenha se processado bem mais fácil e suavemente – dependendo também do entendimento e aceitação de quem está passando pela difícil prova. Ou seja, mesmo não havendo a cura da enfermidade propriamente dita, isso não quer dizer de maneira alguma que Deus tenha ignorado os apelos de quem roga.

    [Reply]

  47. annichelly
    Posted novembro 29, 2008 at 6:58 pm | Permalink

    olha.. perdi meu primo de leucemia,ele tinha apenas 7anos.foi um choque pra todo mundo pois numca imaginamos perder andriel.ainda nao faz nem 1 mes que ele faleceu mais deus me deu 1 pouco de conforto por que agente numca deve perguntar por que.. e sim pra que?!deus sabe todas as coisas ele tem a resposta nao adianta se revoltar pois e pior devemos entender que tudo e providencia dele.tente sentir que ele ainda esta contigo pois as pessoas que amamos nao nos deixam numca.um abraço

    [Reply]

  48. VANA
    Posted novembro 7, 2008 at 11:52 am | Permalink

    VOCE JÁ PERDEU ALGUEM QUE VOCE AMA, OU VOCE NÃO AMA NINGUEM, PRIMEIRO DIZ QUE OS FILHOS NÃO SÃO NOSSOS, SÃO DE DEUS, DEPOIS DIZ QUE NASCERA OUTRAS VEZES COMO FILHO
    NA VERDADE TUDO É FACIL QUANDO NÃO É COM A GENTE

    [Reply]

    beth Reply:

    Perdi minha filha de 8 meses dia 06/11/09, fiquei gravida quando estava separada, e foi uma gravidez bem dificil, mas ela nasceu perfeita saudavel e linda, depois que ela nasceu o pai dela voltou para casa, e nesses 8 meses que ela passou comigo foram os meses mais felizes da minha vida. Minha vida estava completa. tenho lido bastante livros espiritas que tem me ajudado muito. Mas tem dias que naõ me conformo, e não me perdoo da maneira como ela foi embora, estavamos na piscina de 1000l no quintal de casa, e ela ainda estava numa dessas boias de bebe, e tive a infeliz ideia de sair um instante para pegar agua para ela tomar, achando que ela estava segura, quando voltei ela estava no fundo da piscina, fizemos de tudo mas ela ja estava sem vida, foi tão rápido. Eu quero me conformar, mas cada dia que passa a saudade aperta mais fico pensando que ela esteja sentindo nossa falta do outro lado ela mamava no peito, fico me consumindo pensando nisso.

    [Reply]

    maria elena mota e silva Reply:

    olá Beth, sei como vc se sente que só uma mãe como eu para te
    falar o quanto doi ,também perdi um dos mais belo tesouro o meu
    filho KAUAN PLABO,com apenas oito de vida nasceu dia 15/09/2009
    e faleceu dia 23/09/2009 e olha que quasse morrir junto pois ñ
    aceitava a sua partida fiquei num sofá por quasse dois meses
    sem fazer nada deprimida, mal comia, mal tomava um banho, mal
    dormia e mal falava,mais os meus pensamentos estavam voltados
    só pra ele, mesmo não estando ali,mas estava bem vivo nas lembran-
    ças,fiquei dopada por alguns dias, tive que tomar remedios
    para secar o leite,olhe o tamanho do sofrimento,mas tive que
    ser forte para sair daquela escuridão,sem falar até hoje o
    quarto do meu KAUAN continua igual,com td lá dentro,choro quando entro lá,ele era muito lindofoi muito difícil mais como gosto de leitura mimindicaram um livro chamado A CABANA comprei e li daí
    hoje sou outra pessoa,acredito na vida após a morte, e que o meu
    amor por ele é muito grande e que o meu amor por ele pode mim
    trazer ele de volta a fé acima de td e que os nossos filhos são
    anjos lindos,e que não ha lugar para ANJOS,e que DEUS cuida deles
    pra nós, até o dia que chegar a nossa hora aí nós veremos os
    nossos anjinhos.leia a CABANA eu te indico e vc vai amar……..

    [Reply]

  49. Célia
    Posted outubro 23, 2008 at 10:30 am | Permalink

    Acabei de perder um amigo em um grave acidente de moto..Rezamos muito a Deus pedindo pela sua cura , mas infelizmente ele faleceu em menos de duas semanas após o acidente, não dá para acreditar..doi demais ele era muito novo tinha apenas 20 anos e eu sinto muito a falta dele…

    [Reply]

  50. Renata
    Posted outubro 9, 2008 at 4:28 pm | Permalink

    Oi eu acredito em tudo mais fico triste ,quando perdi minha irmã fiquei muito triste hoje penso muito nela faz 5 anos e ela era muito nova foi tudo tão rapido ela tinha22 anos e foi assasinada pelo ex namorado todos nos ficamos muito tristes sinto tanta saudade …

    [Reply]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>